Aqui estão as 5 principais ameaças à segurança telefônica de 2023

Aqui estão as 5 principais ameaças à segurança telefônica de 2023

Nota: O seguinte artigo irá ajudá-lo com: Aqui estão as 5 principais ameaças à segurança telefônica de 2022

Todos sabemos que nesta era moderna, nossa smartphones tornaram-se a chave para nossa comunicação, finanças, vida social e muito mais. No entanto, o fato é que nossos aparelhos sempre correm o risco de serem explorados. Sem dúvida, esses gadgets são alvos lucrativos para os cibercriminosos. Então, hoje neste blog, estarei anotando o topo 5 ameaças à segurança do telefone de 2022 e formas de preveni-los. Vamos começar.

5 ameaças à segurança telefônica de 2022 e maneiras de protegê-las

Existem muitas ameaças para usuários de smartphones Android e iOS que podem ameaçar sua segurança em 2022. Vamos anotar as 5 principais delas.

1: Phishing e smishing

O phishing ocorre quando qualquer cibercriminoso tenta enviar mensagens falsas e fraudulentas. Eles tentam induzi-lo a compartilhar informações pessoais, clicar em links maliciosos e baixar e executar malware em seu dispositivo. Smishing é, na verdade, as tentativas de phishing enviadas por mensagens SMS.

Melhor maneira de evitar: Não clique em links em e-mails ou mensagens de texto, a menos que você tenha 100% de certeza de que eles são legítimos.

2: Segurança física

Proteger fisicamente nossos smartphones é uma das coisas mais importantes que devemos ter em mente. Para esse fim, não se pode usar um PIN, padrão ou verificação biométrica, como impressão digital ou digitalização de retina. No entanto, se você o estiver usando, seu aparelho ficará vulnerável a adulterações. Nesses casos, deixar o telefone sem vigilância aumenta o risco de roubo.

Melhor maneira de evitar: Use uma senha ou número PIN muito forte para bloquear seu smartphone. Para que, se cair em mãos erradas, seus dados e contas não possam ser acessados.

3: Sequestro de SIM

Troca de SIM ou portabilidade de SIM são os outros nomes para seqüestro de SIM. É o abuso de um serviço legítimo oferecido por empresas de telecomunicações quando os clientes precisam trocar seus números de SIM e telefone entre operadoras ou aparelhos. Este é realmente um ataque direcionado, pois exige coleta de dados.

Melhor maneira de evitar: Você pode proteger seus dados por meio de uma variedade de práticas recomendadas de segurança cibernética. Além disso, peça ao seu provedor de telecomunicações para adicionar uma nota “Não portar” ao seu arquivo.

4: Abra o Wi-Fi

Esta é uma das ameaças mais comuns hoje em dia. Na maioria das vezes, vemos hotspots Wi-Fi abertos e não seguros em todos os lugares, de quartos de hotel a cafés. Estes destinam-se ao atendimento ao cliente, mas sua natureza aberta também os abre para ataques. Na verdade, eles são criados por cibercriminosos, disfarçados de pontos legítimos e gratuitos, com o único propósito de realizar o MiTM.

Melhor maneira de evitar: Tente não usar Wi-Fi público completamente e use redes móveis. Considere usar uma rede privada virtual (VPN), se você estiver usando.

5: Ransomware

Uma das 5 principais ameaças de segurança para celulares e PCs é o ransomware. Ele tenta criptografar arquivos e diretórios, bloqueando você do telefone e, em seguida, exige o pagamento por meio de uma página de destino de chantagem.

Melhor maneira de evitar: Mantenha seus smartphones atualizados com a versão mais recente do firmware. Além disso, mantenha as proteções de segurança fundamentais do seu aparelho Android ou iOS ativadas e não baixe aplicativos de qualquer lugar fora dos repositórios oficiais.

Leia também: Como melhorar a segurança do seu smartphone? 5 aplicativos que podem ajudar

Table of Contents