Google Maps vai ter duas novidades fantásticas para quem conduz carros elétricos

A Google tem estado empenhada em criar novas solu√ß√Ķes no Maps. Quer reinventar este servi√ßo e dot√°-lo de novas funcionalidades, adaptadas ao que os utilizadores querem e precisam.

Estas t√™m estado a chegar de forma ritmada, sempre com novidades. A mais recente ainda n√£o foi vista, mas uma an√°lise descobriu-a escondida. O Google Maps vai conseguir ser muito mais √ļtil para os condutores dos carros el√©tricos, muito em breve.

Google Maps carros elétricos novidades

Mais novidades para quem usa carros elétricos

Apesar de ser quase um tema sempre presente, o Google Maps tamb√©m se rendeu j√° aos carros el√©tricos. Tem nos seus pontos informa√ß√£o √ļtil para quem usa estes ve√≠culos, em especial onde estes podem ser carregados. H√° ainda informa√ß√£o da capacidade de carga, dos postos livres e do seu hor√°rio.

Mas a empresa quer ir muito mais longe e uma análise da versão 10.30 a app para Android revelou duas surpresas. Estas vão ser essenciais para quem atualmente tem carros elétricos e que usa este serviço de mapas.

Do que foi visto, as novidades são duas e com níveis diferentes de integração. A primeira é de todas a mais simples e passará a mostrar aos condutores quais as fichas que cada ponto de carregamento em presente. Assim, evitam aceder às que não podem usar nos seus carros.

Google Maps carros elétricos novidades Google Maps carros elétricos novidades

O Google Maps vai aceitar pagamentos de carregamentos

√Č na segunda novidade que parece estar a maior aposta da Google para o Maps. Se agora os condutores necessitam de ter apps externas para pagar os carregamentos, isso em breve deixar√° de ser necess√°rio. As strings presentes na app assim o mostram.

Não é claro que serviços vão aceitar estes pagamentos, mas poderá ser simples de descobrir. Atualmente o Google Maps apresenta pontos de carregamento da Tesla, Chargepoint, SemaConnect, EVgo, Blink, Chargemaster, Pod Point e Chargefox. Deverá ser nestes que irá funcionar, de início.

Por agora são apenas dados que estão dentro da app do Google Maps, aparentemente prontos para funcionar. A Google deve certamente em breve anunciar esta novidade e mostrar como pode ser usada. Falta também saber em que países esta capacidade estará presente.