Nokia: novo CEO quer voltar a p√īr a empresa na corrida pela rede 5G

A Nokia anunciou que ir√° substituir o atual CEO, Rajeev Suri, por Pekka Lundmark, j√° daqui a 6 meses.

Esta mudança pretende dar uma energia extra à empresa finlandesa, colocando-a de volta na corrida pela rede 5G e também torná-la novamente competitiva no setor móvel.

Nokia: novo CEO quer voltar a p√īr a empresa na corrida pela rede 5G 1

Quando o assunto é 5G, a Huawei é a empresa que normalmente está envolvida. No entanto, a Ericsson já conseguiu bater a chinesa relativamente à velocidade de download nesta rede ultra rápida.

Agora, a Nokia não quer perder o comboio e pretende voltar forte à corrida do 5G.

Próximo CEO da Nokia quer reativar os negócios para a rede 5G

A empresa finlandesa vai proceder à substituição do atual CEO, Rajeev Suri, que desempenha este papel desde 2014, por Pekka Lundmark.

Esta mudança será oficializada daqui por 6 meses, em setembro de 2020.

O Nokia prepara, assim, um plano de ataque para voltar mais forte e competitiva à corrida da rede 5G. Para alem disso, pretende ainda atacar novamente o mercado dos equipamentos móveis.

Pekka Lundmark, o próximo CEO da Nokia, à esquerda, ao lado do atual CEO, Rajeev Suri, à direita.

Pekka Lundmark, o próximo CEO da Nokia, à esquerda, ao lado do atual CEO, Rajeev Suri, à direita.

No comunicado oficial enviado aos clientes, a empresa refere que:

Uma nova era vai começar na Nokia e poderá incluir a revisão do portefólio e da estratégia. Recebemos positivamente esta mudança e consideramos o Sr. Lundmark como uma boa escolha dada a situação.

O pr√≥ximo CEO pretende unir-se √† nova presidente da Nokia, Sari Baldauf para p√īr a empresa ‚Äėde volta no jogo‚Äô. Isto porque ambos ocuparam importantes cargos na empresa, entre 1990 e 2000, altura em que a finlandesa dominava no setor da mobilidade.

Huawei domina o 5G mas rumores falam na uni√£o entre Nokia e Ericsson

Como fal√°mos acima, a empresa chinesa Huawei tem dominado significativamente o segmento da rede 5G.

No entanto, recentemente surgiram alguns rumores da possibilidade da Nokia se unir à sueca Ericsson para, assim, fazer frente à Huawei.

Nokia: novo CEO quer voltar a p√īr a empresa na corrida pela rede 5G 2

Anteriormente, também o procurador-geral dos EUA, William Barr defendeu a união entre as duas empresas nórdicas para combater o domínio da marca chinesa.

Resta-nos, assim, aguardar por mais desenvolvimentos e novidades que surjam destas mudanças na Nokia.