O que é Gorilla Glass? Conheça as diferenças entre cada versão

O que é Gorilla Glass? Conheça as diferenças entre cada versão

Nota: O seguinte artigo irá ajudá-lo com: O que é Gorilla Glass? Conheça as diferenças entre cada versão

Inicialmente, o que você precisa saber é que Gorilla Glass é uma marca de vidro temperado desenvolvida por uma empresa chamada Corning Inc. A Corning fabrica outros tipos de vidro para outros setores além de smartphones, wearables e handhelds. Esses produtos, no entanto, não são vendidos sob a marca Gorilla Glass.

Ir para a seção:

O que é Gorilla Glass?

Desenvolvido pela Corning Inc., o Gorilla Glass é um vidro feito de um material chamado álcali-aluminossilicato, que é formado pela união de alumínio, silício e oxigênio. A Corning começou a desenvolver a tecnologia Gorilla Glass em meados de 2005. Ele foi projetado para tornar smartphones e dispositivos portáteis resistentes a danos e arranhões, além de ser leve e fino.

No entanto, o Gorilla Glass não foi o primeiro avanço que a Corning fez neste setor. A empresa era anteriormente conhecida como Chemcor e atuava no ramo de fabricação de óculos resistentes que eram usados ​​em utensílios domésticos, dispositivos oftálmicos, carros, aeroespaciais e aplicações farmacêuticas. Irônico, considerando que a Corning agora é principalmente para seu vidro em smartphones.

Embora os telefones com Corning Gorilla Glass sejam menos suscetíveis a arranhões e quebras, observe que a tecnologia não torna seu telefone (ou tablet) inquebrável. Como mencionado acima, pense no Gorilla Glass como uma tecnologia que ajuda a aumentar a durabilidade da tela do seu smartphone por longos períodos de uso e a resgata de quedas acidentais.

Nas seções abaixo, falamos sobre as diferentes versões do Gorilla Glass, desde a primeira variante lançada em 2006-2007 ao lado do iPhone de primeira geração – até o Gorilla Glass Victus, lançado há menos de um ano em julho 2020.

Diferenças entre as versões do Gorilla Glass

Gorilla Glass 1

O primeiro Gorilla Glass ficou pronto entre 2005 e 2006, mas sua grande estreia veio mesmo com o iPhone. A Apple lançou seu aparelho para o mundo em 2007 e, a pedido da empresa, a tecnologia em sua tela tinha 1,5 mm de espessura e um revestimento oleofóbico, que minimizava impressões digitais e manchas.

O iPhone não foi o único smartphone a ter Gorilla Glass em sua tela. A Corning conseguiu colocar sua tecnologia em cerca de 250 dispositivos apenas na primeira geração.

Gorilla Glass 2

Em 2012, a Corning lançou o Gorilla Glass 2 na CES. O vidro era igualmente resistente, mas sua principal atualização foi a espessura. A segunda geração era 20% mais fina que o primeiro modelo. Em testes de laboratório, pode suportar até 50 kg de pressão sem rachar ou quebrar.

Nesse mesmo ano, o Gorilla Glass foi lançado em 600 milhões de dispositivos. Como essa versão era mais fina que a primeira, permitiu que os fabricantes desenvolvessem modelos mais leves e mais finos de seus telefones. Tanto o Nexus 4 quanto o Galaxy S3 vieram equipados com Gorilla Glass 2.

Gorilla Glass 3

O vidro Gorilla Glass 3 trouxe ainda mais resistência com ele, ao contrário da versão anterior que era mais focada na espessura. Esta é também a geração que introduziu a tecnologia Native Damage Resistance (NDR), que permitiu ao vidro lidar com arranhões ainda mais profundos. Segundo a Corning, a terceira geração evitou até 35% dos arranhões na tela.

Para comemorar a terceira versão de sua tecnologia, a Corning planejava aumentar a resistência de seu Gorilla Glass em três vezes em comparação com as versões mais antigas. Eles poderiam fazer isso graças a um novo processo de fabricação. O GG 3 foi lançado na CES 2013 e veio em modelos como Galaxy S4, Moto G e Moto X.

Revisão do AndroidPIT Samsung Galaxy S4 2015 5

Gorilla Glass 4

Em 2014, a Corning apresentou seu Gorilla Glass com um novo objetivo ousado. Por meio de uma de suas pesquisas, a empresa descobriu que 70% dos danos na tela do celular foram causados ​​por quedas e, por isso, passou a investir no reforço de seus vidros. O Gorilla Glass 4 foi desenvolvido focado na ideia de ser resistente a quedas.

De fato, de acordo com estudos de laboratório, a quarta versão do Gorilla Glass era duas vezes mais forte que seu antecessor. O Galaxy Note 5 e o ZenFone 2 Laser são alguns modelos que vieram com o Gorilla Glass 4.

Gorilla Glass 5

A quinta geração do Gorilla Glass – apropriadamente chamada Gorilla Glass 5 – foi lançada em 2016. Concentrou-se em fornecer ainda mais resistência a quedas e entregou quatro vezes mais força que a versão anterior. A Corning também revelou que em testes de laboratório, o Gorilla Glass 5 conseguiu sobreviver a quedas de até 1,6 metros.

O Gorilla Glass 5 também afirmou que era menos suscetível a rachaduras, mesmo que o telefone caísse em superfícies extremamente duras. O Gorilla Glass 5 foi usado em produtos como o Samsung Galaxy Note 20 e o Moto G 5G.

Foi também em 2016 que a Corning anunciou seu primeiro produto para wearables, conhecido como Gorilla Glass SR+.

Gorilla Glass 6

Lançado em julho de 2018, o Gorilla Glass 6 foi um verdadeiro avanço em relação à quinta geração. No lançamento, a Corning revelou que havia submetido a nova variante a novos métodos de teste rigorosos. O resultado? Gorilla Glas 6 alegou ser forte o suficiente para suportar 15 quedas consecutivas em superfícies duras (de uma altura de 1 metro). Foi classificado como duas vezes mais forte que o Gorilla Glass 5 e ainda é bastante comum em smartphones usados ​​em 2021.

câmera frontal androidpit sony xperia

Gorilla Glass DX/DX+

Em 2018, juntamente com o Gorilla Glass 6, a Corning também anunciou o lançamento do Gorilla Glass DX e DX+. Ambos os produtos foram projetados para serem usados ​​em smartwatches e rastreadores de fitness. Junto com a resistência a arranhões e durabilidade, outro fator que a Corning focou com o Gorilla Glass DX foi a visibilidade externa superior.

Esses novos óculos possuem uma propriedade antirreflexo que, de acordo com a Corning, oferece melhor visibilidade e também melhora a resistência a arranhões.

Gorilla Glass Victus

Imagem da campanha com a marca 2

Em julho de 2020, a Corning anunciou o lançamento de sua mais recente versão do Gorilla Glass para smartphones, tablets, laptops e wearables quando lançou o Gorilla Glass Victus. Com este produto, a Corning também parece ter abandonado o esquema de numeração ao qual estamos tão acostumados ao longo dos anos.

De acordo com a Corning, testes de laboratório mostraram que o Gorilla Glass Victus oferece proteção contra quedas de uma altura de 2 metros (em oposição a 1 metro no Gorilla Glass 6). Também é duas vezes mais resistente a arranhões que seu antecessor e oferece 4 vezes mais resistência a arranhões do que tecnologias concorrentes de outras marcas.

Meu telefone tem Gorilla Glass?

A maioria dos fabricantes menciona o tipo de Gorilla Glass que está sendo usado nas especificações detalhadas, e uma rápida olhada nas especificações deve revelar todos os detalhes que você precisa. No entanto, existem alguns outros que não mencionam claramente o tipo de Gorilla Glass usado.

Nesse cenário, talvez seja necessário pesquisar um pouco se estiver realmente interessado em saber qual variante do Gorilla Glass seu telefone possui. Embora não seja exaustiva, a Corning mantém uma lista de produtos que usam Gorilla Glass. Dê uma olhada nisto aqui.

Também é pertinente notar que a Corning não é a única empresa que está no ramo de fabricação de vidro temperado e resistente a arranhões para smartphones. O principal concorrente da Corning nesse segmento é a Asahi (que foi renomeada recentemente como AGC). Esta empresa fabrica a sua marca de vidro resistente a riscos sob a marca ‘Dragontrail’.

E aí, você conseguiu descobrir qual versão do Gorilla Glass seu smartphone usa?