O seu smartphone caiu à água? Saiba como proceder…

O seu smartphone caiu à água? Saiba como proceder…

Mais do que a quebra do vidro ou que a efémera vida da bateria, existe um problema registado que é comum  nas lojas de suporte: Danos de água. Provocado de forma acidental, este dano pode ser resolvido com facilidade ou pode ter uma resolução mais complexa, se afetar alguns componentes no equipamento.

Se o seu smartphone caiu à água, saiba o que deve fazer.

O seu smartphone caiu à água? Saiba como proceder… 1

Sempre que o seu smartphone entrar em contacto com líquidos, desligue-o no imediato, evitando assim que entre em curto-circuito. Há alguns procedimentos que poderá fazer, sendo que estes devem ser feitos numa loja especializada. Sabe como se processa uma limpeza interna? E o arroz resolve mesmo?

Como funciona a limpeza interna?

A limpeza interna passa por uma máquina de ultrassons, que eliminará os vestígios de líquido no smartphone. Quanto mais rápido procedermos a esta limpeza, maior será a probabilidade de recuperação total do equipamento.

Os smartphones Android são mais difíceis de recuperar comparativamente ao iPhone, por terem grande parte dos seus componentes soldados na board.

Será que o arroz resolve mesmo?

O arroz absorve a humidade? Sim, a exterior e de forma muito lenta. Não é a solução aconselhada, visto que o arroz não conseguirá absorver a humidade interna do seu equipamento, que estará a afetar as peças internas do seu telemóvel. Por este motivo, muitas vezes após ligar o equipamento posteriormente a um dano de água, existem falhas no microfone, no carregamento ou outro componente.

O seu smartphone caiu à água? Saiba como proceder… 2

Quais são os tipos de líquidos mais prejudiciais?

A água é corrosiva, sobretudo a água salgada ou de piscina (cloro). Outros líquidos como as bebidas gaseificadas e a baba de bebé são dos líquidos que mais corroem o seu equipamento.

Muitas vezes os nossos clientes não entendem o dano no equipamento porque o seu telemóvel não caiu, nem entrou em contacto com água, quando, na verdade, a baba dos filhos pode ser tão corrosiva como a água do mar.

Quando o telemóvel é estanque

O telemóvel não se mantém estanque a longo prazo, pelo simples facto do uso do smartphone gerar temperatura que, por sua vez, irá alterar as propriedades da cola responsável por manter o telemóvel estanque.

A deterioração desta cola acontece com o uso normal do telemóvel e irá torná-lo mais suscetível à entrada de líquidos. Aconselhamos o uso moderado de telemóveis dentro de água, relembrando que o fator uso ao longo do tempo poderá pôr em causa a estanquicidade do equipamento.


O Pplware agradece à iServices pela produção deste artigo. A empresa é líder de mercado em Portugal nos serviços de reparação de smartphones.

Mais dicas aqui…

Artigos Relacionados

Back to top button