Uma folha de dicas (PDF grátis)

Uma folha de dicas (PDF grátis)

Nota: O seguinte artigo irá ajudá-lo com: Uma folha de dicas (PDF grátis)

A Apple anunciou sua entrada no setor de cartões de crédito em março de 2019 com o Apple Card, um cartão de crédito da marca Apple projetado para ajudar a facilitar a tomada de decisões financeiras. Ao contrário dos cartões de crédito tradicionais, que existem principalmente como itens físicos com recursos digitais, o Apple Card pode ser pensado como um cartão de crédito digital. Ele está totalmente integrado ao Apple Pay e, embora haja um cartão de crédito físico de titânio disponível, a Apple pretende que o Apple Card seja usado principalmente em um iPhone ou Apple Watch via Apple Pay.

O Apple Card tem muitos recursos novos que podem torná-lo um cartão de crédito ideal para pessoas que já investem no ecossistema de produtos da Apple. Esta folha de dicas ajudará a explicar tudo o que você precisa saber sobre o Apple Card, incluindo se vale a pena considerá-lo como um cartão de crédito para o mundo corporativo.

Da folha de dicas

O QUE É O CARTÃO APPLE?

O Apple Card é a primeira entrada da Apple no mercado de cartões de crédito. Foi criado em parceria com a Goldman Sachs e será um Mastercard, ou seja, será aceito onde quer que o Mastercard possa ser utilizado.

O Apple Card difere de outros cartões de crédito, nas palavras da Apple, porque é “um cartão de crédito projetado para iPhone”. Os usuários do Apple Card têm a opção de obter um cartão físico, mas isso parece mais uma opção de backup para quando o Apple Pay não estiver disponível.

A Apple projetou o Apple Card para ser usado quase exclusivamente com o Apple Pay e o aplicativo Wallet. A inscrição no Apple Card é feita no aplicativo Wallet, que também é onde todas as métricas de gastos do Apple Card são exibidas.